terça-feira, 19 de setembro de 2017

Fatos da nova criação

Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos; porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniqüidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas? Que harmonia, entre Cristo e o Maligno? Ou que união, do crente com o incrédulo? Que ligação há entre o santuário de Deus e os ídolos? 2 CORÍNTIOS 6.14-16(ARA)

Para ter fé forte, você precisa ver a si mesmo conforme Deus o vê e dizer a respeito de si mesmo aquilo que Deus diz a seu respeito.
No texto bíblico citado, os que crêem são chamados crentes, e os que não crêem são chamados incrédulos. Você pode, portanto, chamar-se de crente.
Os cristãos são chamados justiça, e os não-cristãos, iniqüidade. Você já se chamou de justiça? E assim que a Bíblia chama você; logo, você o é.
Os cristãos são chamados luz, e os não-cristãos são chamados trevas.
Que harmonia, entre Cristo e o Maligno? Nesse trecho, a Igreja é identificada com Cristo. Cristo é a Cabeça, e nós somos o Corpo. A sua cabeça não é chamada por um nome, ao passo que você tem outro nome no tocante ao corpo. Da mesma forma, a Igreja leva o Nome de Cristo - nós somos o Corpo de Cristo. Pense nisso. Deixe o fato penetrar na sua mente. Que base firme para a fé!


Confissão: "Sou cristão, porque estou em Cristo. Sou justiça e luz. Eu creio. Sou o templo de Deus".