sábado, 22 de abril de 2017

Cegados

Mas, se ainda o nosso evangelho está encoberto, para os que se perdem está encoberto, nos quais o deus deste século cegou os enten­dimentos dos incrédulos, para que não lhes resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus. 2 CORÍNTIOS 4.3,4
Homem algum que estivesse com o controle das suas faculdades mentais dirigiria a 160 km por hora pela estrada, avançando sinais fechados e os de advertência: "Perigo! Perigo! Caiu a ponte!" No entanto, um bêbado ou drogado agiria dessa forma.
Da mesma maneira, homem algum em sã consciência passaria pela vida e se precipitaria para a eternidade e o inferno, perdido. Mas as pessoas o fazem. Por quê? Porque o diabo as deixou drogadas e cegas.
No caso da salvação do meu irmão Dub, percebi que era o diabo quem o tinha amarrado e o impedia de ser salvo. Falei, portanto: "Satanás, em Nome de Jesus Cristo, rompo o seu poder sobre a vida de meu irmão Dub e reivindico o livramento e a salvação dele!"
Não temos o controle sobre as vantagens humanas, mas temos o controle sobre os espíritos malignos que amarram e cegam as pessoas. Estou convicto de que essa é uma área a respeito da qual saberemos mais no futuro para nosso maior proveito.
Confissão: "O deus deste mundo não cegará os olhos dos meus amados, porque tomarei o Nome de Jesus e romperei o poder de Satanás sobre eles!"