quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Orando e dizendo

Por isso, vos digo que tudo o que pedirdes, orando, crede que o recebereis e tê-lo-eis. MARCOS 11.24

A fé funcionará mediante o que você diz (note que Marcos 11.23 não menciona a oração), mas também dependerá das suas orações.
Mas, quando você ora, precisa dizer ou confessar algo.
Quero repetir isso: a fé funcionará por meio do que você diz e, também, por meio da sua oração; mas, quando você ora, precisa dizer.
Marcos 11.23 e 24 me tiraram do leito da enfermidade há muitos anos. Depois de ter orado, comecei a dizer (e não pensar). Dizia, em voz alta, no meu quarto: "Creio que recebo a cura em meu corpo". Passei, então, a especificar cada coisa que estava errada comigo: "Creio que recebo a cura da doença cardíaca. Creio que recebo a cura da paralisia. Creio que recebo a cura da doença no sangue, ainda que ela tenha sido qualificada pelos médicos como incurável".
E, para a eventualidade de ter omitido alguma coisa, terminei: "Creio que recebo a cura por completo, da cabeça aos pés".
Na mesma hora, todos os sintomas de deficiência física desapareceram do meu corpo, e pude ficar em pé, ao lado da cama, curado!

Confissão: "Tudo quanto peço, orando, creio que o recebo. Confesso aquilo que creio. Mantenho-me firme em minha confissão!"

Kenneth E. Hagin
Alimento da Fé - Devocionais